Escola de Atibaia é premiada em circuito de pré iniciação científica

Compartilhe!

A EE Profª Maria Cecília Teixeira Pinto, que faz parte do Programa Ensino Integral (PEI) de Atibaia, juntamente com outras cinco escolas da região (Joanopolis, Nazaré Paulista e Bragança) foram premiadas e classificadas para a etapa estadual do circuito de pré iniciação científica.
O projeto selecionado já dura 2 anos na escola Maria Cecília que conta com uma equipe de alunos de Iniciação Científica orientada pelo Prof. Bruno Westmann Prado, desenvolveram ampla pesquisa sob a potencial atividade antibiótica do extrato de urucum (Bixa orellana L.) popularmente conhecido como corante condimentar (colorau) no tratamento da gonorreia, uma infeccão sexualmente transmissivel (IST).
Após a comprovação da atividade bacteriostática em gonococos, os alunos desenvolveram uma fórmula de sabonete íntimo, líquido, com o extrato de urucum, com a proposta de auxiliar no tratamento da infecção e até mesmo como um produto de higiene preventiva, quando utilizado antes e depois da relação sexual. A pesquisa contou com o apoio e a parceria da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), do Laboratório de Investigação Microbiológica Médica (LIMM).
A FeCIBRA é a Feira de Ciências da Diretoria de Ensino de Bragança Paulista, que desde 2016 recebe projetos de pesquisa (pré iniciação científica) das escolas publicas da Região Bragantina, que atende 12 municípios. Esta feira de ciências premia e seleciona trabalhos para FeCEESP (Feira de Ciências das Escolas Públicas do Estado de São Paulo). Este ano, no dia 10 de outubro, a 4a FeCIBRA foi sediada na EE Casper Líbero, em Bragança Paulista e contou com 25 projetos de Ciências da Natureza e também das Ciências Humanas.
Diretora: Claudete Wada Vilaça, Vice Filomeno Bueno de Camargo e Equipe de coordenadores.

Deixe uma resposta