Consultas no AME tem alto índice de ausências em Atibaia

Compartilhe!

A ausência sem comunicação prévia, de no mínimo 5 dias, desencadeia uma série de perdas em toda a estrutura mobilizada em receber e atender o paciente.

Os números recolhidos pela Secretaria de Saúde de Atibaia, em relação ao absenteísmo – pacientes faltosos as consultas médicas e exames – no Ambulatório Médico de Especialidades (AME), continua gerando preocupação à Prefeitura. Além de comprometer a capacidade de marcação de consultas, dificultar o acesso de outros usuários ao sistema de saúde, aumentar o prazo de espera para a realização de consultas e procedimentos, pode reduzir o número de vagas disponibilizadas para Atibaia.

A unidade do AME Atibaia atende 18 cidades da região e a nova determinação do governo do Estado é que a disponibilidade de vagas por cidade seja feita por meio da média entre o número da população e o número de atendimentos desperdiçados. A média em Atibaia gira em torno dos 20% de absenteísmo mensais, ou seja, a cada 100 consultas marcadas, 20 pessoas não comparecem ao atendimento.

A ausência sem comunicação prévia, de no mínimo 5 dias, desencadeia uma série de perdas em toda a estrutura mobilizada em receber e atender o paciente. Se os setores ficam ociosos, as demais pessoas que necessitam de atendimento são atingidas de forma mais preocupante ainda, pois acabam na fila de espera por um período maior de tempo. Pelo menos 5 dias são necessários para a Central de Vagas reorganizar e remanejar outro paciente para o horário vago.

A Secretaria de Saúde de Atibaia, por meio da Rede Básica e Central de Vagas, realiza um trabalho para diminuir estes números há mais de 3 anos. Entre as ações adotadas está a assinatura pelo paciente de um termo de responsabilidade de comparecimento, contato telefônico prévio com todos os pacientes agendados e contato posterior para averiguação dos fatores que motivaram a ausência. Apesar de todo empenho e estratégias adotadas, os números que surgem a cada final de mês continuam preocupantes.

Como mais uma tentativa de diminuir o número de faltosos, a Secretaria de Saúde colocou em uso um número para mensagens de aplicativo WhatsApp. Por meio do número (11) 93000-4076 é possível desmarcar a consulta. Importante ressaltar que quanto antes a consulta for desmarcada maior o sucesso no reagendamento de outro paciente. Para desmarcar a consulta através do WhatsApp o paciente deverá enviar a foto do comprovante de marcação de consulta, pois nele estão todos os dados necessários para o cancelamento, abrindo a oportunidade para outro munícipe ser atendido.

O cancelamento de consultas e exames pode ser realizado:

* No Posto de Saúde presencialmente;

* Por ligação telefônica no número da Unidade de Saúde;

* Por WhatsApp, pelo número (11) 93000-4076, com o envio da foto do comprovante de marcação de consultas.

E lembre-se, a consulta que você falta faz falta para alguém!

Deixe uma resposta