Atibaia receberá mais uma da Grande Roda

Compartilhe!

O Festival de Inverno de Atibaia deste ano terá como atração a VI Grande Roda, “Frequência do Amor”. O evento, que é gratuito, acontecerá no dia 28 de julho, às 16h, no Centro de Convenções Victor Brecheret.A proposta desta edição é um pouco diferente: acontecerá à tarde e finalizará após o pôr do Sol.
A Roda é aberta à participação de todos.Se você está na dúvida entre participar ou não… converse com alguém que já participou! O importante é “entrar na Roda” e melhorar o Mundo!Vale ressaltar que não haverá venda de água ou camisetas no local. Como sempre, os participantes devem vestir roupas brancas.
Atibaia já é conhecida como a cidade das Grandes Rodas do Dançando pela TERRA, eventos matutinos, coletivos, diferenciados. Mensalmente, sempre no último domingo de cada mês, as Rodas acontecemna Escola Carlos José Ribeiro. No carnaval, é a vez do Bloco do Dançando pela TERRA, levar leveza e alegria para a folia de rua.

O Movimento
Dançando pela Terra
O Movimento foi lançado em janeiro de 2015 no topo da Pedra Grande. É coordenado por Lúcia Pacheco e Gerson Balestero e conta com parceiros e multiplicadores em outras cidades do Estado de São Paulo e Rio de Janeiro. Já foram realizadas diversas Rodas fora do país, mais precisamente em Portugal e Irlanda. Expansão é o caminho do Movimento.
De 2016 a 2018, o Movimento realizou as maiores Rodas de Danças Circulares Meditativas do Brasil oferecendo à população, ricas oportunidades de participação de um momento de Conexão Coletiva em Movimento – as pessoas se unem para dançar e vibrar na frequência da alegria, do amor, da harmonia e gratidão. Ao final das Rodas os participantes sentem bem-estar e tranquilidade e retornam para suas casas levando um pouco da paz alcançada coletivamente.
De acordo com a Teoria do Campo Mórfico, de Rupert Sheldrake, quando um grande número de indivíduos de uma mesma espécie adota um novo comportamento, toda a espécie, naturalmente, passa a se comportar de forma semelhante, pois o novo comportamento gera ressonância no Campo que é acessado e sentido por todos. O Dançando pela TERRA realiza diversas Rodas em diversos lugares porque acredita que quanto mais pessoas vibrarem nessa mesma intenção de Paz e Bem, melhor será o Mundo para TODOS!
O “Dançando pela Terra” é um ato de amor pelo planeta e pela humanidade!

Deixe uma resposta