Programa Permanente de Castração de Atibaia atendeu mais de 1.400 animais

Compartilhe!

No primeiro semestre deste ano a Coordenadoria Especial dos Direitos e Defesa Animal de Atibaia promoveu mutirões de castração nos bairros Maristela, Imperial, Caetetuba, Laranjal e Tanque.

Mais de 1.400 animais castrados de janeiro a maio deste ano, sendo 774 cães e 642 gatos, entre machos e fêmeas, em cinco regiões da cidade. Esses números expressivos se referem ao Programa Permanente de Castração da Prefeitura da Estância de Atibaia.
No primeiro semestre deste ano a Coordenadoria Especial dos Direitos e Defesa Animal de Atibaia promoveu mutirões de castração nos bairros Maristela, Imperial, Caetetuba, Laranjal e Tanque. Nessas duas últimas ações também foram atendidas as listas de espera dos demais bairros do município. E em janeiro a Coordenadoria também já havia realizado um mutirão extra, com atendimento de 182 animais remanescentes da lista de espera de 2018 e outros sob cuidados de protetores independentes da cidade.
Conforme a Coordenadoria, o objetivo do Programa Permanente de Castração é atender a demanda existente nos bairros por meio dos mutirões, zerar as listas de espera formadas nos próprios mutirões e atender animais adotados nas feirinhas realizadas pela Prefeitura, bem como animais recolhidos e tratados por protetores que atuam no município.
Nos mutirões realizados, após as cirurgias os responsáveis pelos animais também recebem instruções sobre o pós-operatório, referentes à alimentação, medicação, cuidados, entre outras recomendações.
De acordo com a Coordenadoria, a castração é uma política de saúde pública responsável por manter o controle populacional e, dessa forma, evitar que o número de animais abandonados nas ruas do município aumente. A castração também proporciona benefícios para a saúde de cães e gatos, uma vez que previne diversas doenças, especialmente nas fêmeas.
Com a cirurgia feita antes do primeiro cio, a fêmea tem apenas 0,5% de chance de desenvolver tumor de mama ao longo da vida. Nos machos, algumas mudanças de comportamento também podem ser observadas, evitando problemas com demarcação de território e agressão a outros animais.
Segundo a Coordenadoria, uma nova programação está sendo elaborada pela Prefeitura para o segundo semestre deste ano. A estimativa é de que o próximo mutirão seja realizado em 6 de julho, para os bairros da região central de Atibaia. O novo calendário com as datas, locais de inscrições e de castrações será divulgado no site da Prefeitura: www.atibaia.sp.gov.br .
Mais informações na Coordenadoria Especial dos Direitos e Defesa Animal de Atibaia: Rua João Losasso, nº 455, Morumbi, ou pelo telefone (11) 4413-6996.

Deixe uma resposta